Assembleia é finalista em prêmio por gestão com Ales Digital

Com projeto Ales Digital, Assembleia Legislativa do Estado pode se tornar a primeira totalmente digital do país. Foto: Bruno Fritz

Resultado será anunciado nesta sexta-feira (22). Ales concorre com as Casas Legislativas de Goiás e Rio Grande do Norte

A Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales) é finalista no prêmio Assembleia Cidadã. O anúncio foi feito durante a cerimônia de abertura na 23ª Conferência Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (CNLE), que está sendo realizado na Bahia. Com foco em transparência, o projeto Ales Digital foi implantado na Casa em 2017 e concorre ao prêmio de “Gestão”. 

Coordenado pelo deputado estadual Marcelo Santos, a iniciativa caminha para tornar o Legislativo Capixaba o primeiro parlamento totalmente digital no país. Com todos os processos feitos de forma virtual, é possível acompanhar a atuação dos deputados, tramitação de projetos de lei, solicitações e procedimentos administrativos na íntegra. Foram disponibilizadas, ainda, todas as proposições protocoladas a partir de 2000  - autor, ementa, entre outros - parte de propostas que tramitaram no período de 1947 a 1999 e toda a legislação estadual - Constituição, regimento dos servidores, código de ética e regimento interno da Assembleia. 

Com a mudança, seguindo uma tendência sustentável, a previsão é que haja uma economia de cerca de R$ 2 milhões por legislatura para a Casa, apenas com a diminuição no  uso de papel. 

“O projeto aumentou a transparência e eficiência nos atos legislativos. Quero agradecer ao (presidente da Assembleia) Erick (Musso) por ter ter abraçado esta proposta que foi feita por muitas mãos, ao (servidor) Marcos Aquino, que esboçou esse projeto e atuou na parte executiva e todos os demais servidores. Agora estamos colhendo os frutos desta inovação”, afirma o deputado Marcelo Santos. 

 O prêmio tem o intuito de promover boas práticas no Poder Público. Em sua primeira edição, o concurso promovido pela promovido pela União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), recebeu inscrições de 35 projetos de diversos órgãos pelo país. A escolha dos vencedores será feita pelos participantes da CNLE - o anúncio será feito nesta sexta-feira (22). Os premiados receberão o valor de R$ 20 mil que deverá ser investido em melhorias de projetos da Casa, além do selo Assembleia Cidadã e um troféu transitório. 

Indicações

Na categoria “Gestão”, a Ales disputa com as Casas Legislativas de Goiás e Rio Grande do Norte, além de concorrer também pelo prêmio em “Atendimento Cidadão”, junto com Mato Grosso do Sul e Paraná. 

GESTÃO

- ALES DIGITAL:  ESPÍRITO SANTO

Sistema de digitalização de o todo processo legislativo elaborado na Assembleia Legislativa do Espírito Santo, a primeira Casa no Brasil totalmente digital. Permitiu o aumento da transparência, eficiência e redução de custos.

- SELO VERDE: GOIÁS

Projeto de sustentabilidade da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás que vem buscando a inovação das boas práticas na Gestão dos Resíduos Sólidos, Recursos Hídricos e Energéticos. Tem como objetivo reduzir o consumo de copos plásticos descartáveis.

-  LEGIS RH: RIO GRANDE DO NORTE

Sistema web desenvolvido na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, cujo objetivo geral é gerenciar a vida funcional dos servidores da Casa, bem como trabalhar na automatização das tarefas orçamentárias relacionadas à folha de pagamento.


ATENDIMENTOS AO CIDADÃO

- ESPAÇO ASSEMBLEIA CIDADÃ: ESPÍRITO SANTO

Projeto que gerou a aproximação da população com a Casa, por meio de um complexo que engloba serviços de atendimento de diferentes áreas. Entre eles: emissão de documentos, Procon, biblioteca e etc.

- ALEMS ACESSÍVEL: MATO GROSSO DO SUL

Iniciativa da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul que busca efetivar a inclusão de deficientes, idosos e pessoas com mobilidade reduzida, através de duas frentes: acessibilidade quanto ao acesso físico e movimentação no prédio e comunicacional, quanto à interação com os conteúdos e atividades legislativas.

- APLICATIVO AGORA É LEI: PARANÁ

Criado pela Diretoria de Comunicação da Assembleia Legislativa do Paraná a ferramenta tecnológica para prestação de serviço reúne em uma plataforma de fácil acesso mais de 300 leis estaduais de interesse do consumidor, que são apresentadas através de ilustrações e descritivo das leis.


 

Assessoria de Comunicação

Data de Publicação: quinta-feira, 21 de novembro de 2019

LEIA MAIS...

Assembleia promulga lei que muda regras de abastecimento com gás natural
Presidente Kennedy recebe Fórum para debater investimentos no Estado
Comissão de Petróleo e Gás da Assembleia recebe prefeitos e inicia debate para remodelagem do Fundo das Desigualdades Regionais